Tipos de Treino de Musculação

Tipos de Treino de Musculação




Sabemos que a musculação é uma das atividades mais importantes do mundo dos esportes e que é praticada por muitas pessoas, com objetivos distintos. Além de deixar os músculos mais firmes e definidos, também aumenta o gasto calórico durante os exercícios e acelera o metabolismo, o que faz com que o organismo funcione de maneira eficiente.

A musculação também é ótima para quem quer perder peso, aumentar os músculos e a proteger os ossos, pois a musculatura age como uma proteção para os ossos, e quando a musculatura está mais tonificada, os riscos de fraturas são bem menores.

Se você já pratica musculação, deve ter observado na sua academia que umas pessoas malham de um jeito e outras de outro. Isso acontece porque não existe apenas uma forma de fazer musculação, até porque o tipo de treino depende do objetivo que se quer alcançar.

Tipos de Treino de Musculação

Cada pessoa, após certo tempo de treinamento, adapta as técnicas, métodos e exercícios, de acordo com o seu nível de condicionamento, potenciais genéticos e objetivos. Uma correta programação de treinamento é essencial tanto para iniciantes como para atletas, pois  cada um reage de forma diferente a estímulos iguais e, por isso, a individualidade deve ser observada ao iniciar um tipo de treinamento.

A escolha dos treinos a serem trabalhados serão feitas a partir, principalmente, dos seus objetivos, levando em conta o seu nível de condicionamento físico e disponibilidade de tempo.

Sabendo disso, conheça os tipos de treino de musculação e saiba quais os tipos de treinos mais adequados aos seus objetivos e como executá-los.

Fortalecimento Muscular

 Trata-se de um treino de altíssima intensidade e indicado apenas para os atletas que já possuem um bom condicionamento físico e corpo mais susceptível a lidar com cargas mais elevadas.

O objetivo desse treinamento é o de aumento de força. O aluno deverá cumprir os seguintes passos:

Descanso entre cada série deve ser de, em média, 3 minutos

  • Exercitar o mesmo grupo muscular entre 2 a 3 vezes por semana
  • A velocidade de execução dos movimentos deve ser lenta
  • O período de descanso entre um treino e outro deve ficar entre 48 e 72 horas
  • Cada série deve possuir no máximo 6 repetições
  • Cada exercício deve possuir 4 séries
  • A carga deve ser altíssima

Resistência Muscular

Este tipo de treinamento geralmente é mais indicado para quem está iniciando ou está muito tempo sem treinar.

Seu intuito é o de proporcionar ao aluno o desenvolvimento de condições físicas ideais para treinos mais intensos, além do aprendizado correto da execução dos movimentos de cada exercício. Um treino de resistência é realizado da seguinte maneira:

  • Descanso entre as séries pode variar de 30 segundos a 2 minutos
  • Cada grupo muscular deve ser exercitado entre 2 ou 3 vezes por semana
  • A velocidade de execução dos movimentos deve ser moderada
  • O intervalo entre um treino e outro do mesmo grupo muscular deve variar de 24 a 48 horas
  • O número de repetições pode ir de 15 até 50, sendo que cada exercício possuirá 2 ou 3 séries
  • A carga deve ser leve ou moderada, atingindo no máximo 65% de 1 repetição máxima

 

Potência Muscular

Trata-se de um treino que buscará a melhor reposta muscular para cada pessoa diante de cada exercício. É a combinação entre a velocidade e a força. Normalmente, é realizado por atletas profissionais que busca, literalmente, por músculos mais potentes, capazes de se contrair no menor tempo possível. Este aumento de massa muscular depende de vários fatores, como resposta individual ao treinamento, intensidade e duração do programa de treino.

Além disso, esse treino pode ser tanto feito com séries de levantamento de peso como com exercícios de movimentos aeróbicos com grande número de repetições. O tempo de tensão é um importante estímulo para ajudar no aumento da hipertrofia muscular.

Veja abaixo, o trabalho feito e que podem melhorar o treino de hipertrofia e fornecer resultados mais rápidos são:

  • Intervalo entre as séries precisa ter descanso superior a 3 minutos
  • O mesmo grupo muscular pode ser treinado no máximo 2 vezes na semana
  • Os movimentos precisam ser executados rapidamente
  • Treinar novamente o mesmo grupo muscular somente após 48 ou 72 horas
  • O número de repetições deve ser pequeno e inferior a 10 para exercícios de levantamento de peso e podem variar bastante para os exercícios aeróbicos
  • A carga dos exercícios pode ser de moderada a alta

Força Muscular

Esse treino, tem a capacidade de exercer força máxima para um dado movimento corporal. O aumento dessa força segue um certo curso temporal, e uma maior parcela de contribuição para este aumento vêm da adaptação neural (melhora da coordenação e eficiência do exercício), porém, com o passar do tempo, a contribuição do aumento de massa muscular se torna essencial, para o aumento de força.

Veja abaixo, o trabalho a ser feito:

  • Repetições: inferiores a 6, com carga superior a 85% de 1RM. Isto significa cargas altíssimas, perto da máxima
  • Séries por grupo muscular: maior que 4 séries
  • Freqüência semanal para o mesmo grupo muscular: de 2 a 3 dias por semana
  • Intervalo entre as seções: de 48 a 72 horas
  • Intervalo entre as séries e os exercícios: descanso de em média 3 minutos
  • Velocidade de execução dos exercícios: lenta

 

Independentemente de qual seja o objetivo de um atleta ao praticar musculação, alguns pontos como hidratar-se bem, alimentar-se bem e dormir pelo menos 8 horas por dia, isso tudo se aplicam a todos. Afinal, descansar e dar condições ideais ao seu corpo de se recuperar de todas as micro lesões causadas pela prática do exercício físico intenso é tão importante quanto a própria prática desses exercícios.

Algumas pessoas usam produtos naturais junto com a musculação para aumentar a massa muscular, como o medicamento Tribulus Terrestris que ajuda no funcionamento do metabolismo, na queima de gorduras, e auxilia no aumento de massa muscular e força física.

Tribulus Terrestris com Maca Peruana

Tribulus Terrestris é uma erva natural, que vem sendo usado durante séculos na Europa com o intuito de tratar a impotência sexual. Mas além disso, a erva era usada como estimulante para ajudar a aumentar o impulso e desempenho sexual, além de impulsionar os níveis de testosterona.

Maca Peruana é rica em nutrientes como: aminoácidos, carboidratos, minerais e fibras. Devido ao elevado teor de cálcio em sua composição, o consumo de maca ajuda a promover a calcificação e o desenvolvimento ósseo. Além disso, a maca é rica em ferro e magnésio que estimulam a formação e maturação de células vermelhas do sangue.

Tribulus Terrestris com Maca Peruana fornece 750 mg de tríbulus e 750mg de Maca Peruana por dose. Contendo 46% saponinas. As Saponinas têm sido identificadas como os constituintes bioactivos responsáveis pelos efeitos Anabólicos e afrodisíacos. Estas saponinas permitem que o organismo produza mais testosterona ao aumentarem os Níveis de Hormônio Lutainizante (LH). Quando a LH aumenta, a testosterona também aumenta.

Diferenciais do Tribulus Terrestris com Maca Peruana

  • Aumento de Testosterona
  • Aumento de Massa Muscular
  • Melhoria na libido sexual para mulheres e homens
  • Melhora de dores de cabeça e o humor
  • Diminui o cansaço e teores de colesterol
  • Aumenta a autoestima


Como tomar

Ingerir três cápsulas ao dia. Uma ao acordar e duas antes de dormir.

Bons Treinos!

monsterclub

Ganhe R$ 20,00 de desconto em suplementos alimentares, receba novidades e promoções exclusivas 

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!